quinta-feira, março 28, 2002

Boa notícia!!
A geek não fecha hoje! Fecha na segunda-feira! Isso porque a revisora (tadinha) tem quinhentas páginas pra ler, nunca ia dar pra terminar hoje, em sã consciência. Os proletários reclamaram e venceram! (e ainda levaram ovo de páscoa) :-)
Isso não quer dizer que eu saio mais cedo. Temos que adiantar tudo o máximo possível. Só quer dizer que não saio às 22h, devo sair tipo às 20h.
Uhúuuu!!!
Acabei de almoçar com a Nancy, Alex e Evandro. Foi legal, mas eu tava bem estressado, o trampo aqui reamente tá foda. Mas, da minha parte, o fechamento vai bem. O problema são as muitas coisas faltando pra diagramar e revisar. Ai, ai, ai, só Deus sabe que horas eu saio daqui.

Decidimos que vamos pra Ilha Comprida, na minha casa de praia. Vai ser legal, faz tempo que eu não vou lá, e ainda vou com os Plantas, fazia tempo que eu não viajava com eles.
Aliás, fiquem ligados aqui pra saber como vai o fechamento. Que bosta, todo mundo ter que ficar me esperando...
Impressionante! Consegui ontem chegar em casa às 9, ir ver o jogo na casa da minha irmã, (o jogo era às 9 e meia e ela mora na Vila Madalena), ir depois do jogo pro aniversário da Du, e ainda dormir nove horas antes de vir pro trampo hoje. Ainda bem, porque hoje é fechamento (e vai ser dureza).
Muito boa a festa da Du, com chorinho de fundo e tudo o mais. Pena que eu fiquei pouco, a galera já tava indo embora. Mesmo assm valeu a pena

quarta-feira, março 27, 2002

Agora o Yaacs também resolve dar piti!! Merda!
Conversa entre pai e filho, por volta do ano de 2031, sobre como as mulheres dominaram o mundo.

Por Luiz Fernando Veríssimo.

- Foi assim que tudo aconteceu, meu filho... Elas planejaram o negócio discretamente, para que não notássemos.
Primeiro elas pediram igualdade entre os sexos. Os homens, bobos, nem deram muita bola para isso na ocasião. Parecia brincadeira. Pouco a pouco, elas conquistaram cargos estratégicos: Diretoras de Orçamento, empresárias, Chefes de Gabinete, Gerentes disso ou daquilo.

- E aí, papai?

- Ah, os homens foram muito ingênuos. Enquanto elas conversavam ao telefone durante horas a fio,
eles pensavam que o assunto fosse telenovela...

Triste engano...
De fato, era a rebelião se expandindo nos inocentes intervalos comerciais.
"Oi querida!", por exemplo, era a senha que identificava as líderes.
"Celulite" eram as células que formavam a organização.
Quando queriam se referir aos maridos, diziam "O regime".

- E vocês? Não perceberam nada?

- Ficávamos jogando futebol no clube, despreocupados. E o que é pior: continuávamos a ajudá-las quando pediam. Carregar malas no aeroporto, consertar torneiras, abrir potes de azeitona, ceder a vez nos naufrágios; Essas coisas de homem.

- Aí, veio o golpe mundial !?

- Sim, o golpe. O estopim foi o episódio Hillary - Mônica. Uma farsa. Tudo armado para desmoralizar o homem mais poderoso do mundo. Pegaram-no pelo ponto fraco, coitado. Já lhe contei, né? A esposa e a amante, que na TV posavam de rivais eram, no fundo, cúmplices de uma trama diabólica. Pobre Presidente...

- Como era mesmo o nome dele?

- William, acho. Tinha um apelido, mas esqueci... Desculpe, filho, já faz tanto tempo...

- Tudo bem, papai. Não tem importância. Continue...

- Naquela manhã a Casa Branca apareceu pintada de cor-de-rosa. Era o sinal que as mulheres do mundo inteiro aguardavam. A rebelião tinha sido vitoriosa! Então elas assumiram o poder em todo o planeta.
Aquela torre do relógio em Londres chamava-se Big-Ben, e não Big-Betty,como agora... os homens disputavam a Copa do Mundo, sabia? Dia de desfile de moda não era feriado. Essa Secretária Geral da ONU era uma simples cantora. Depois trocou o nome, de Madonna para Mandona...

- Pai, conta mais...

- Bem filho... O resto você já sabe. Instituíram o Robô Troca-Pneu, como equipamento obrigatório de todos os carros... A Lei do Já-Prá-Casa, proibindo os homens de tomar cerveja depois do trabalho...
E, é claro, a famigerada semana da TPM, uma vez por mês...

- TPM ???

- Sim, TPM... A Temporada Provável de Mísseis... É quando elas ficam irritadíssimas e o mundo corre perigo de confronto nuclear....

- Sinto um frio na barriga só de pensar, pai...

- Sssshhh! Escutei barulho de carro chegando.
Disfarça e continua picando essas batatas...
Parabéns, Du!! Prometo que vou no seu aniversário hoje no Ó, pelo menos dar uma passada, porque amanhã fechamos a Geek 20. E o Evandro vai também. Até daqui a pouco!

terça-feira, março 26, 2002

Cachorro é o máximo!



Nem contei aqui, mas olha que merda que é essa Mariana Kupfer (que no entanto é a que eu acho mais gata). Outro dia ela disse:
"Todo mundo me chama de patricinha, mas pô, não é só isso, eu sou BRANCA, sou legal, sou fiel..."
Absurdo, e isso eu vi com meus próprios olhos!
Detalhe muito cômico do showo do Roger Waters: Grandjean não conseguia parar de gritar, a cada som, "FILHA DA PUTA!!". Eu não conseguia saber se ele estava gostando ou não do show. Jeito estranho de admirar alguém... :-)

segunda-feira, março 25, 2002

Tô indo nessa, vai ter muita correria nessa semana. Ando sentindo muitas saudades...
Aê, galera, estou de volta!!! Acho que estou melhor, mas queria pedir pra vocês torcerem pra dar certo, pra dor sumir de vez!
E chega de MSB, agora cada um pro seu blog, xô todo mundo! :-)
Como todos sabem, o Alex tem blog também, o www.axelcast.blogspot.com. Nãoi deixem de visitar. É o Povo Planta invadindo a Internet!!

quinta-feira, março 21, 2002



Impressionante...

É só a gente se descuidar que vem uma tentativa de reintegração de posse!
Mas nóis num vai si intregá fácir não, ahhh, num vai miess!!!

Pra discontrair um pouco...

Os M&M Doidão...



quarta-feira, março 20, 2002

Aê, seus pó-de-arroz! Golear Bangu, América e Americano é fácil (ainda mais jogando sete partidas seguidas em casa, nunca vi isso...)! Foi jogar com time bom, deu nisso! Cadê Kaká, França e companhia? Toma logo 4 pra aprender (com direito a gol de placa e chapéu no mala do Rogério Ceni).
Pooooooorcoooooooo, Pooooooorcoooooooo....

(Não resisti, tinha que zoar os pó-de-arroz, ai, minha tendinite...)

:: MOMENTO PIADA

O Coelho Saudável

Em uma floresta da Colômbia, os animais tinham o estranho costume de usar todos os tipos de drogas. Certo dia, a girafa estava fumando um baseado, quando apareceu um coelho correndo, com alguns animais o seguindo e lhe disse:
- Girafa amiga, não fume isso... Venha correr comigo pra ficar em forma!
A girafa ficou sensibilizada com a atitude do pequeno coelho, jogou o cigarro fora e seguiu o coelho.
De repente eles viram um elefante cheirando cocaína e o coelho voltou a defender os seus costumes:
- Elefante amigo, pare de cheirar isso! Venha correr conosco e perca alguns quilinhos!
O elefante decidiu pensar na sua saúde, jogou o pó pro alto e começou a fazer cooper com o novo amigo.
Então eles correram mais alguns quilômetros até que encontraram um leão usando lança-perfume. O coelho se apressou em dar seus conselhos:
- Leão amigo, pare de cheirar essa droga! Venha correr com a gente e viver uma vida saudável.
O leão largou o pano molhado em cima de um tronco, se aproximou do coelho e lhe deu uma patada violenta, que arrancou a sua cabeça.
A girafa, o elefante e todos os adeptos da geração saúde ficaram enfurecidos com a atitude do rei da selva, até que o elefante tomou a frente e disse:
- Leão, por que você fez isso com o pobre coelho?
O leão, impiedoso, respondeu:
- Esse cara me obriga a ficar correndo por aí toda vez que toma extasy!

terça-feira, março 19, 2002


:: PROMOÇÃO NOVO NOME (parte III)

Por maioria absoluta de votos, permaneceremos como:
Nariz Magnético
Sem Mais

MSB

Espaço Publicitário

Não deixe de conferir as atualizações do El Mondo Animal

Só no seu Quadum

:: PROMOÇÃO NOVO NOME (parte II)

Ou... que tal, então:
Língua Aeólica

ou:
Olhos a óleo

que tal:
Umbigo bivolt

Mande hoje mesmo a sua sugestão!
PROMOÇÃO NOVO NOME
As dez respostas mais criativas ganharão
um jegue e um City Tour em Interlagos
acompanhados por um
Maurício de gesso!


GRAND

segunda-feira, março 18, 2002



Considerações sobre o abandono

Bom, gente... todos devem ter percebido que o capitão pulou fora do barco...
Estamos reinvidicando a manutenção desse blog, que a partir de agora, chama-se
Nariz Magnético
Sem mais;

MSB (Movimento dos Sem Blog)


Tem recado do Carlão também...

Clique aqui e veja !!!


Aê, galera do ouvido!

Aí vai um recadinho da Nancy direto da Times Square...


[ ]s

Grandjean
Carlão, foi mal, nunca deveria apostar nada referente a Pink FLoyd Com você. Claro, "Set Controls..." é só do Roger Waters, mesmo, nada de Barret :-)
Galera, vou me retirando portanto, pra botar gesso. Tô indo agora. Não esqueçam de me ligar essa semana, vou ficar sozinho aqui! Alex, vamos combinar de almoçar vários dias por aí!! Me liga!

sexta-feira, março 15, 2002

Fechamos a Hacker 03 em tempo recorde! Vinte pras sete e não tem mais nada pra fazer. Beleza. Dessa vez fiz a contracapa e o índice. Pediram pra eu fazer o editorial também, mas eu pensei que era foda começar bem na revista mais técnica e pesada. Fica pra próxima!
Agora, só curtir o fim de semana. E semana que vem tem gesso nos dois braços, então dificilmente eu apareço por aqui.
Beijo pra todos!
Galera, que foda! Minha irmã conseguiu entrada free pra hoje também, na ala de imprensa!! Ali, na frente do palco, no lugar que custa 300 paus!!!!
Uhúuu, vai na fé, Cris!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Falem no Ouvido Eletrônico!!!!
E a subida de 12% do Serra no Ibope, em um mês, é a mais rápida já registrada em eleições pra presidente, depois da "redemocratização". Mesmo assim, a Globo preferiu nem dizer que o cara subiu (porque será??). Tá de parabéns mesmo o Ministro por conseguir isso, ainda mais sem ninguém conhecer ele nos sertões do Brasil e com a dengue matando direto no Rio. Sujeito bom de voto esse Serra...
Êeeee, democracia...
O show foi maravilhoso, é claro! Fomos eu, Grand, Cris, Evandro, Carlão, Dani Ismânia e Écia. O Carlão, ao chegar no Riviera, antes do show, estava tremendo e previa uns dois desmaios durante a apresentação. No show, ficou quieto o tempo todo, em transe. Até fumei um no começo. Já fazia tempo...
Mas é porque é um show mesmo pra se contemplar, pra admirar e, eventualmente, cantar junto. Foi lindo todo mundo cantando bem alto o refrão de "Comfortably Numb". Enfim, o cara é gênio, pena que não produz mais coisas tão boas, mas, como já dissemos aqui, é difícil manter o nível até os 50.
Só que ele merecia um sistema de som melhor, é foda ver ele tocando "Mother" e no fundo ficar ouvindo "Olha o sorvete, olha o sorvete..."
Mas nada disso importa: com ou sem com legal, viva Rogério Águas!!
So ya
Thought ya
Might like to go to the show.
To feel the warm thrill of confusion
That space cadet glow.
Tell me is something eluding you, sunshine?
Is this not what you expected to see?
If you wanna find out what's behind these cold eyes
You'll just have to claw your way through this disguise.

quinta-feira, março 14, 2002

Alex resolvendo problemas, Nancy viajando, Evandro trabalhando... não é à toa que o número de comentários anda tão fraco por aqui...
E agora os jornais discutem se são 200 milhões, 800 milhões, etc. O que quer que seja, continua sendo a mesma coisa: uma baixaria.
É hoje!!!!!!!

Hoje acontecem duas coisas muito legais: o nascimento do filho do Miranda e o show do Roger Waters. Estamos todos ansiosos na lista Los Bookmakers pra saber as novidades do Miranda. E quanto ao show, já comecei o dia bem ao estilo Maurício de ser: esqueci o ingresso em casa :-).
O lance da Globo Cabo é o seguinte: a empresa está falindo, deu prejuízo de R$ 700 milhões no último ano e é o maior mico da Bolsa de São Paulo. O BNDES tem participação de 4,8% (o que já é muito, tendo em vista o risco que é investir em empresas de tecnologia hoje em dia). Agora, eles vão participar de um aporte de recursos pra ver se salvam a empresa do Roberto Marinho, aumentando a sua participação para 12%, ou seja, quase triplicando, e investindo centenas de milhões em dinheiro público.
Eu não preciso ser investidor da Bolsa para saber que, se eu tenho ações de uma empresa que está falindo e que é o maior mico, eu tenho que me livrar dessas ações o mais rápido possível, e não comprar mais. Ainda mais se eu sou um banco que tem como objetivo promover o desenvolvimento social, ou seja, não tenho nada a ver com o mercado de TV a cabo.
Mas é tudo mutreta mesmo, como dá a entender a fala de um cara do BNDES hoje, no Estadão: "Fizemos um estudo técnico e achamos que o negócio é excelente e vai dar muito retorno ao banco". Com certeza... tanto que, mesmo com declarações como essa e com o aporte, a Globo cabo caiu mais uma vez ontem na Bolsam ontem, só 10%...
Grande Smão!


"Monkey News: Serra já tem avião presidencial. É o Aedes One!!!"
13/03/2002 - 18h15


da Redação
em São Paulo

Buemba! Buemba! Estão tão certos que o Serra vai ganhar que até construíram o avião presidencial: o Aedes One. O Serra andou usando Elisbelt para subir nas pesquisas. "Não é tecnologia. É feitiçaria!!!"

O BNDES mudou de nome. É BNDESERRA, para ajudar na GlobocaboELEITORAL. Já que o Simão tem que assinar a Globocabo e ainda pagar a reestruturação da empresa, eles bem que podiam parar de repetir os filmes da programação. Chega de documentário da Lady Di!!!

E o Jorge Murad pediu demissão. Mas como??? Não dá para pedir demissão do cargo de marido. Se desse, ia ter demissão em massa. Ele é mesmo um péssimo marido - deixa o dinheiro da campanha espalhado pela casa!!! Já estão dizendo que a Roseana começou de Brahma (a número 1) e acabou de Doril (sumiu).

Mas todo mundo tem parente na política. O irmão do Collor, a mulher do Pitta, o marido da Roseana. Será que só o FHC é sozinho?!!!

E a condenada Carola, que tem sangue azul. Deve ter bebido o fluido da caneta Bic. Ela saiu da Maloca dos Artistas porque sempre SCARPA!!! Sabe como diferenciar a Froticeira do Vítor Belfrota? A Froticeira tem a parte de cima do biquini. Onde começa um e acaba o outro é que não dá para saber.

Eles juntos parecem uma Froticeira de duas cabeças. A definição de Reality Show do Simão é "Um monte de gente sem nada para fazer assistindo a um monte de gente fazendo nada!"

quarta-feira, março 13, 2002

E outra: vamos fechar a Áudio e Vídeo Digital sem fazer hora extra! As coisas estão dando certo de repente...
Yes! Botei gelo ontem na mão por horas e deu muito certo!! Hoje estou com bem menos dor. Tudo graças a recomendações de gente simples, lá da academia. Mesmo assim vou fazer a semana de folga, pra melhorar de vez. E botar gelo todo dia!!!! Uhúuuu!!
Explicando pra Nancy, uma discussão que rolou lá embaixo. Minha vida está bem definida, eu acho, não tem grandes dúvidas. Vou continuar sendo jornalista enquanto não puder ganhar dinheiro com música, isso tá decidido. Não vou abandonar o jornalismo enquanto não tiver garantias de que vou ganhar dinheiro com música.
Enquanto isso, não deixo de ser músico, só não ganho dinheiro com isso. Acho normal, não é nada que me preocupe, não. Agora, a tendinite, isso eu trato, me curo, é outra coisa, não tem nada a ver uma coisa com outra. É só eu tomar mais cuidado daqui pra frente. Mas lembre-se: eu continuo músico, apenas não posso me dedicar a isso full-time.

terça-feira, março 12, 2002

Filhos da p... (parte 2)
Aê, cambada de trouxa! A eleição foi comprada com dinheiro público e já acabou! A Globo anunciou o resultado do Ibope (instituto ligado à emissora) hoje, com o Serra já em segundo lugar, apenas cinco pontos atrás do Lula.
Algum pato acredita nisso? Que o Serra subiu repentinamente 12% no Ibope, bem no momento em que a Globo começa a atacar Roseana sem parar e que ficamos sabendo da doação de R$ 800 milhões do BNDES? Pra subir 12% tem que acontecer um fato muito importante e marcante, o que não aconteceu com o Serra. Além disso, como acreditar que um cara que o povo ainda nem conhece direito está a apenas cinco pontos de Lula, uma figura conhecida em todo o território nacional?
E outra: porque o Jornal Nacional, que adora e tem por padrão fazer a comparação mês a mês do desempenho dos candidatos, dessa vez apenas deu os índices desse mês? Claro, pra não mostrar o ridíuclo crescimento de 12% que só um pato consegue engolir e que eu tive que pesquisar muito pra descobrir. Isso é pior que apuração de desfile de escola de samba. Êee, democracia!!!
Não, aqui não é teoria da conspiração não, aqui é baixaria mesmo. Com B maiúsculo!!!
Mais um capítulo da série "Nojento", sobre o nosso querido governo federal. Com milhões por aí passando fome, o Fernandinho vai usar, na surdina, 800 milhões de reais do BNDES (isso mesmo, do Banco Nacional de Desenvolvimento Social) para salvar a Globo Cabo da falência. Pois é, vai doar R$ 800 milhões do nosso dinheiro para a Rede Globo. A Globo Cabo, dona da Net, está falida, e precisa desse dinheiro. Já os miseráveis desse Brasil, nem tanto...
Vejam como não há ponto sem nó erm política: agora fica explicado por que a Globo mudou de lado repentinamente e é agora a que mais adora bater na Roseana. Tava mesmo muito estranha essa história.
Aprenderam? É assim que se ganha uma eleição usando o dinheiro do povo.
Nojento...

Disse lá embaixo e repito: é por essas e outras que eu odeio o PSDB e está completamente descartada a possibilidade de eu votar em alguém desse partido no primeiro turno dessas eleições. Partido ético, héin, quem diria, olha no que se transformou...
Vou ficar de molho na semana que vem. Só que, infelizmente, com as duas mãos engessadas... :-(
Pelo menos a direita vai poder ficar com luva. Era pra eu sair hoje mesmo, mas pedi pra ser segunda que vem, tem duas revistas pra fechar. Vamos ver se aí resolve alguma coisa.

Isso quer dizer que o blog fecha na semana que vem. Vê se ligam pra mim, que eu vou ficar muito sozinho em casa.
Duas coisas que eu lembrei pra minha lista, que devia ter colocado:
Melhor filme nacional - Bicho de Sete Cabeças (depois vem Deus e o Diabo na Terra do Sol e Terra Estrangeira)
Melhor solo de guitarra - Another Brick in the Wall (parte 2)
Música dos Beatles que eu mais gosto - "A Day in the Life" (tá no Sgt. Peppers, essa decisão é muuuito difícil)
Deve ter mais coisas, mas eu esqueço...

segunda-feira, março 11, 2002

E a Tata, empresária, parece ser mesmo muito legal, responsável, séria... Pelo jeito, agora sim, basta a gente tocar bem que os shows virão naturalmente. Era disso que a gente precisava.
O Sílvio Santos tá zoneando tudo na Casa dos Artistas...
O que é aquela Carola, a "Pincesa do Povo". Gente, esse mundo é muito trash! E a Mariana Kupfer, essa patricinha retardada, não parava de perguntar pro0s novos moradores "Como é, alguma novidade, alguém morreu??". Que é isso, doidera...
Esse fim de semana foi bem legal. Dani Freitas veio pra São Paulo e conheceu a galera do Ouvido. Fomos na sexta no bar Brahma (com a Ju, Alex e Grandjean) e sábado no Opção (com os mesmos, mais o Fê, Dani-Dani, Marcelo e Evandro). Muito divertido.
Destaque para a gente fechando o bar, às cinco da manhã e o Evandro fazendo "o pombo". Sensacional... Todos os garçons, que só tinham a nós pra atender, rachando o bico. Enquanto o Evandro molhava o bico :-)
O Bravenet voltou, mas tirou um monte de hits meus, sacanagem. Ou seja, teremos novos "2000" e "2001" :-) Droga, já devia estar chegando aos 3 mil...
Lili me mandou isso aqui, para quem quiser ter mais informações sobre a família Sarney. Se não entrar, dê um refresh: http://www.ecomm.com.br/carosamigos/da_revista/edicoes/ed59/roseana.asp

domingo, março 10, 2002

Está hoje no Estadão: FHC disse, sobre o caso da devassa nas empresas de Roseana, que o PFL mais perdeu do que ganhou, ao sair do governo.
Nojento... Isso quer dizer, nas entrelinhas: rompeu conosco, se fodeu. Ou ainda, que o governo passou dez anos sabendo que Roseana passava a mão no dinheiro dos maranhenses, apenas não tinha interesse em investigar.
Por essas e outras que eu odeio o PSDB e desconsidero totalmente a possiblidade de votar em um candidato desse partido para presidente.
Nojento...
Filhos da p...
Venço a tendinite bravamente pra escrever aqui umas coisas muito importantes, senão elas não saem da minha cabeça..
Ontem, causou indignação na galera que foi ao Opção uma reportagem da Veja mostrada pelo Alex. Era de um babaca chamado Sérgio Martins, que se diz crítico de música.
Como costumam fazer os nossos resenhistas musicais, ele tentava vender uma opinião pessoal dele como verdade absoluta. O título já começava ridicularizando a vinda de Roger Waters ao Brasil e a matéria desdenhava da banda, terminando com o cúmulo de chamá-la de ridícula.
A matéria em si é totalmente inválida porque parece que o "crítico" nem sequer conhece o Pink Floyd: disse que Roger Waters foi líder do grupo desde 1965 (mentira, é desde 1969) e que o som é voltado para pessoas que usam calça boca de sino e curtem Belle and Sebastian, o que é uma total estupidez.
A idéia de Sérgio Martins é aquela mesma repetida pelos críticos de música no Brasil desde a época áurea da Bizz (começo da década de 80): de que o rock progressivo é algo ridículo, de que nos salvaram os heróis do punk. Nessa época, o punk e a new wave estavam em alta e o rock progressivo havia virado saco de pancada, portanto era compreensivo que as críticas fossem nesse tom. Mas é patético que essa ladainha seja ouvida até hoje.
O Pink Floyd é uma banda clássica, que resistiu à prova do tempo, uma prova muito importante na música pop, onde, a cada momento, a indústria tenta vender novos artistas como gênios. Não respeitar a vinda ao Brasil, pela primeira vez, do seu principal membro é estimular a dita falta de memória do brasileiro e a efemeridade dos sons que tanto interessa à indústria cultural.
Quanto à baixaria de chamar a banda de ridícula, eu gostaria de saber do senhor Sérgio Martins com qual embasamento ele diz isso. Quais são os critérios para chegar a essa conclusão. Estão sendo inescrupulosamente enganados, então, os milhões de fãs que a banda tem pelo mundo há decadas? Não estaria ocorrendo o mesmo com os fãs dos Beatles, então? Com certeza não. Rídiculo é fazer uma crítica com uma afirmação dessa e não justificar, deixando claro que se trata do seu gosto pessoal.
Sérgio tem o direito de não curtir a banda, mas tem que reconhecer o seu valor, tem que saber separar essas coisas. Isso é o que deveria fazer todo crítico, mas infelizmente quase nenhum faz. Preferem o mais fácil, reproduzir suas opiniões mais subjetivas. Mesmo não gostando, ele tem que reconhecer um fato objetivo: de que Roger Waters e o Pink Floyd fazem uma arte absolutamente elaborada, rica e nada virtuosística, como diz o artigo, no sentido de que privilegia a técnica; essa é, com certeza, a mais emocional de todas as bandas progressivas. E pensando desse jeito, para que antepor Pink Floyd e Sex Pistols? Ambos faziam arte vigoroamente embasadas em suas emoções e ambos foram muito originais em suas épocas.
Enfim, com esse artigo, a Veja mais uma vez deu um show de desinformação. Para quem não sabe, o Pink Floyd tem três discos clássicos, pelo menos: The Piper at the Gates of Down, com Syd Barret no comando, Dark Side of the Moon e The Wall, com Roger Waters. São arte pura. Quem não sabe reconhecer isso, meu amigo, me desculpe, mas está totalmente incapacitado de escrever críticas musicais em qualquer jornal de bairro.

Alex, numa boa, cara: leia críticas de música com mil pés atrás (nunca deixando de ouvir os discos por conta própria antes de cristalizar uma opinião) ou vai comprar ainda muito gato por lebre e deixar de conhecer coisas muitas legais.

sexta-feira, março 08, 2002

Aê, Átila, o link da Fuckable já tá atualizado aí ao lado!!
Parabéns mulheres!!!
O que seria de nós sem vocês?!?! Nós homens te amamos!! E em homenagem à mulherada, aqui vai talvez a letra que eu mais gosto do Chico, em parceria com Augusto Boal.
Lembrem da música e cantem junto, esse é o meu presente pra vocês!


Mulheres de Atenas
Chico Buarque e Augusto Boal (1976)

Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas
Vivem pros seus maridos, orgulho e raça de Atenas
Quando amadas, se perfumam
Se banham com leite, se arrumam
Suas melenas
Quando fustigadas não choram
Se ajoelham, pedem, imploram
Mais duras penas
Cadenas

Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas
Sofrem pros seus maridos, poder e força de Atenas
Quando eles embarcam, soldados
Elas tecem longos bordados
Mil quarentenas
E quando eles voltam sedentos
Querem arrancar violentos
Carícias plenas
Obscenas

Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas
Despem-se pros maridos, bravos guerreiros de Atenas
Quando eles se entopem de vinho
Costumam buscar o carinho
De outras falenas
Mas no fim da noite aos pedaços
Quase sempre voltam pros braços
De suas pequenas
Helenas

Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas
Geram pros seus maridos os novos filhos de Atenas
Elas não têm gosto ou vontade
Nem defeito nem qualidade
Têm medo apenas
Não têm sonhos, só têm presságios
O seu homem, mares, naufrágios
Lindas sirenas
Morenas

Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas
Temem por seus maridos, heróis e amantes de Atenas
As jovens viúvas marcadas
E as gestantes abandonadas
Não fazem cenas
Vestem-se de negro, se encolhem
Se conformam e se recolhem
Às suas novenas
Serenas

Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas
Secam por seus maridos, orgulho e raça de Atenas

Acabei de fazer uma cirurgia ferradíssima no dente. Tô todo inchado e zoado. Merda, o cara teve que martelar a minha boca, e eu vendo tudo, sangue pra todo lado, terrível!
Mas nem tá doendo, isso que é bom. Logo mais estou 100%.

quinta-feira, março 07, 2002

Vou embora correndo antes da tempestade!!
Acabou o FTP no Geocities. Agora me digam: um serviço de hospedagem que não aceita FTP, o que se pode dizer de um negócio desses? É uma merda completa!
Não percam, em breve o listão de preferências de Alex, Nancy e quem mais quiser me mandar!
O ultra-som não deu nada. Isso me deixa mais preocupado: tô cheio de dor e sem nenhuma noção do que tá rolando...
Ah, valeu, Tarc, por mandar o email pra mim. Deu pra entender um pouco o francês :-)
Pronto, meu site já tem imagens novamente! Esses provedores não sabem como fodem a nossa vida ao mudar de endereço assim, tive que mudar todos os links, e achar tudo foi foda...
Grandja!
O nosso site mudou no Multimania para:
http://membres.lycos.fr/seulogin

O FTP também mudou para:
ftp://ftp.membres.lycos.fr

Muda tudo aí nos posts!!

quarta-feira, março 06, 2002

Esperem: logo mais, Maurício de molho, em casa, com todo o tempo do mundo pra vocês...
Tô me segurando aqui pra não ligar pro médico e pedir uma licença imediatamente. :-(
Taí uma lista com algumas das minhas preferências, principalmente em música. Eu não tenho muito dificuldade em escolher essas coisas não... Bom, agora tá todo mundo preparado pra fazer o meu próximo teste :-)

Música - Bohemian Rapsody (Queen)
Música brasileira - Travessia (Milton Nascimento)
Melhor coisa que eu já ouvi - versão de Milton Nascimento para a música Cálice, de Chico Buarque e Gilberto Gil, no show do disco Txai
Compositor (música) - Na ordem, Beethoven, Tom Jobim, Milton Nascimento
Compositor (letra) - Na ordem, Chico Buarque, Raul Seixas, Renato Russo
Disco - Sargeant Peppers Lonely Hearts Club Band (Beatles). Menção para Pet Sounds (Beach Boys) e The Wall (Pink Floyd)
Cantor - Milton Nascimento
Cantora - Elis Regina
Banda - Beatles
Show - Tambores de Minas (Milton Nascimento, 1998)
Melhor trecho musical - Primeiros nove minutos do quarto movimento da 9ª Sinfonia de Beethoven
Baterista - John Bonham (Led Zeppelin)
Guitarrista - Jimi Hendrix
Violonista - Raphael Rabello
Baixista - Paul McCartney
Filme - "A Missão" (1986, com Jeremy Irons e Robert de Niro. Música maravilhosa). Depois vem, na ordem, "2001" e "Sociedade dos Poetas Mortos"
Diretor - Stanley Kubrick
Ator - Jack Nicholson
Atriz - Vivien Leigh
Música minha que eu mais gosto - Visão na estrada
Melhor show que eu já fiz - Na Faculdade de Física da USP, em 2000
Viagem - Virada de 1996 para 1997, em São Thomé: eu, Alex, Nancy, Grandjean e Djá

Chega! Será que falta algo?? Digam aí se concordam, discordam, se faltou alguma coisa, etc.

terça-feira, março 05, 2002

Parabéns!!!
Para os desavisados, hoje (terça-feira) é aniversário de ninguém mais, ninguém menos, que Alex.
Sim, Alex, que tanto alegra esse blog com seus textos engraçadíssimos e polêmicos. Só que, mais que isso, ele também é um dos meus melhores amigos de todos os tempos. Um cara que sempre quer ajudar e, o mais legal, sempre consegue ajudar, e muito.
Parabéns, Alex, toda a felicidade do mundo pra você, que você merece. E que a nossa amizade, que já completa seis anos, dure pra sempre (sem pieguismo, eu desejo mesmo isso). Um grande abraço!
O Multimania promete voltar amanhã. Será que todo mundo resolveu fazer manutenção em servidores ao mesmo tempo??
É isso aí, Evandro. Algum motivo pra boicotar o Quadum??
Motivo da preocupação? Preciso de uma licença urgente!
Tenho um problema de compulsão: quando eu tô nervoso, não consigo parar de mexer no cabelo, puxando. Droga, tô assim agora e não consigo parar!!! SOCORRO!!
Foi meio difícil digerir o almoço hoje. Ficamos o tempo todo conversando sobre a nova revista da editora, "Internet proibida", com tudo o que há demais trash na rede. Nessas coisas, eu sou bem chato: me recusaria a escrever nessa revista, a não ser que estivesse precisando muuuuito do dinheiro.
Legal, sem o Fala Sério o número de comentários aumentou bastante. Só falta o Alex passar aqui nessa bodega.
Só uma informação técnica interessante: na música do Roger Waters abaixo, o cara dá um show de vocal. Quando ele diz "I've got nowhere to fly to", ele termina a frase em mi2, pra depois pular para um lá3, salto ascendente de 11ª. Logo em seguida, "When I pick up the fone" termina em sol3, passando depois pra do2 em "There'll be nobody home", salto descendente de 12ª. Não é pra qualquer um, ainda mais afinando e interpretando com tamanha competência.
Ontem compus uma música.

Que bom, fazia tanto tempo que eu não compunha. Sentei com o violão e toquei, mesmo sentindo muita dor na mão. Dane-se que eu nem me lembre do que eu fiz, eu sei que eu gostei. É muito bom compor e é muito bom saber que eu não esqueci como faz isso.
Tudo por causa do livro dos Beatles. Daí eu saquei porque eu componho. É porque eu vivia envolto com essas histórias, lendo livros sobre Tom Jobim, Chico, John Lennon. Não dá pra não pegar o violão e tentar fazer alguma coisa. Foi o que aconteceu ontem. Pena que o trabalho acaba fazendo com que eu me afaste desse mundo em que eu fiquei submerso durante a minha adolescência.
Ontem, andando pela Vergueiro pra ir pro trabalho, encontrei a Djá. Pô, que saudades dela. Ela buzinou de dentro do carro e eu parei pra conversar com ela. Disse que estava voltando de férias e que estava indo pra Gramado pro Estadão. Muito legal, a Djá realmente se estabilizou lá dentro. Ela deu muito duro e realmente merece isso.
Pra quem não sabe, a Djá foi vocalista do Quanta Planta por muito tempo. Quando fizemos a reestruturação da banda, resolvemos que ela sairia. Foi a maior bomba que já caiu na minha mão, tive que falar com ela sozinho. E até hoje ela fica chateada com essa história. Mas acho que eu fui bem honesto, e por isso ela até acabou me desculpando. Ela até diz que ficou puta porque queria que eu fosse ainda mais honesto com ela :-)
Foi um lance bem difícil, porque ela era muito amiga. Até hoje lembro das viagens com ela, uma delas pra mim foi a melhor de todas. Mas parece que simplesmente tinha que acontecer...

segunda-feira, março 04, 2002

Só uma observação sem segundas intenções: o comportamento do Alex na festa da Nancy foi absolutamente surpreendente pra mim...
:-)
Pronto, já tem link pro Quadum aí do lado. Prestigiem o nosso zine eletrônico!
O ensaio de ontem foi muito produtivo: marcamos de falar com a empresária (já marquei com ela, galera, domingo às 17h na Nancy) e acertamos 8 músicas, pra tocar com arranjo completo na semana que vem. Só não sei como vai ser, encontrar a Tata na Nancy e tocar na minha casa... Talvez tenhamos que deixar o ensaio completo para a outra semana.

Mas foi legal. É muito bom que temos cinco compositores na banda, e estamos tirando músicas de todo mundo. Divertido vai ser tocar Okus Pokus, só quero ver como eu vou me virar na bateria.
Valeu, Dani, deu certo. Os arquivos voltaram.
Coisas que sabe bem quem tem um arquivo de um ano... :-)
Pra mim, isso aí embaixo vale 80, 100, 120...
Sintam o drama:

Nobody Home
Roger Waters, em The Wall (1979)

I got a little black book with my poems in
Got a bag, got a toothbrush and a comb
When I'm a good dog they sometimes throw me a bone
I got elastic bands keeping my shoes on
Got those swollen hands blues
Got thirteen channels of shit on the TV to choose from.
I got electric light
And I got second sight
Got amazing powers of observation
And that is how I know
When I try to get through
On the telephone to you
There'll be nobody home

I got the obligatory Hendrix perm
And the inevitable pinhole burns
All down the front of my favorite satin shirt
I got nicotine stains on my fingers
I got a silver spoon on a chain
Got a grand piano to prop up my mortal remains
I've got wild, staring eyes
And I got a strong urge to fly
But I got nowhere to fly to ...fly to... fly to... fly to...
Ooooo Babe
When I pick up the phone
There's still nobody home

I got a pair of Gohill boots
And I got fading roots


A música, nos últimos oito versos, é qualquer coisa de absurdamente maravilhoso...
Uma coisa muito bacana aconteceu, vocês devem ter reparado: apagaram os arquivos do blog até fevereiro. Fiquei tão contente com isso...

Esses serviços para blogs são todos uma grande porcaria.
Bom, agora que eu resolvi o lance do Fala Sério, só falta o Bravenet voltar a funcionar. Parece que foi invadida a bagaça. Eu não tô com sorte
Ei, Evandro, comprou o ingresso pro Rogério Águas??

domingo, março 03, 2002

Gente, o Fala Sério já era aqui nesse site. Agora botei outro sistema, que espero seja mais eficiente. Portanto, não há mais motivos para deixar de comentar!!
Putz, Fala Sério me zoando de novo. O lance é mudar pro sistema que o Grandjean descobriu, vou fazer isso rapidão.
A festa da Nancy foi simplesmenrte sensacional! Um puta astral, bem melhor até do que a despedida dela, antes da viagem pros EUA. Muita gente bacana, tudo bem, algumas nem tanto, mas pra isso eu tava armado do meu "tapa inglês", minha luva ortopédica com ferro, bem na palma da mão. Ai de quem mexer comigo agora... O que eu tenho de baixinho, tenho de invocado :-)
Tocamos bastante, e o legal era os amigos da Lui, que foram lá só pra ver a gente tocar, depois de ouvir ela fazer propaganda. O problema é a Nancy nunca querer cantar direito com a gente, tem que ficar aquela coisa de gritar "Nancyiii" toda vez que a gente quer que ela cante alguma coisa. Não sei pra que isso...

O que eu gostei mais foi ter trocado idéia com muita gente que antes eu só cumprimentava. Também foi ótimo não falarmos de política, o Marcelo deve ter ficado realmente aliviado, né Dani? :-)
Enfim, temos que fazer festas dessas mais vezes.

sábado, março 02, 2002

Um trecho do livro da minha mãe:

"A paisagem daquele lugar ia aos poucos se modificando. Dava até pra sentir que seu cheiro era outro. Era cheiro de terra molhada. Era cheiro de rio molhado, cheio de peixes. Cheiro de raízes, troncos e folhas molhadas. Cheiro de vida, e vida é molhada. A morte não, a morte é seca"

É o trecho com que eu mais me identifiqueii. Um modo lindo de introduzir as crianças ao universo das metáforas.
Os ingressos já estão na mão! Dia 14, Roger Waters, na arquibancada laranja! Quem quiser que me acompanhe. Presenças confirmadas de Cris, Dani-Dani, Grandjean, Nancy, Carlão e Evandro!!

Vai ser um puta show, com certeza...
Olá, Mau...

Resolví dar uma passadinha pra fazer uma
perguntinha... O tal do falasério que você usa tá
fora do ar desde ontem ou é impressão minha?

Também gostaria de convidar a TODOS a participarem
do O Quadum, o meu, o seu, o nosso saquinho de rizadas...





Essas são do Galhardo

[ ]s
Grandjean

sexta-feira, março 01, 2002

Voltei aos bons tempos... seis posts hoje. Mas a mão ainda dói muito.
Bom fds pra todos!
Quadum num quer, dois num briga!
Aê, galera!! Agora, além do meu blog, tem o blog do Povo Planta, o Quadum! É um blog pra zoar, nada de diário pessoal. Apareçam lá sempre e vejam o que pode produzir a mente doentia de Grandjean, Alex e companhia (eu só dou risada :-)
Alex, aprende a postar lá, caceta...
Como é bonito o amor entre irmãos...



Tô lendo o Anthology, dos Beatles, que eu ganhei de Natal. É enorme! Tem umas 500 páginas, e tem o tamanho de um Atlas. Só que é um barato, com muitas histórias e fotos loucas dos Beatles. O mais legal até agora é o Ringo, que chegou a ser desenganado pelos médicos quando criança.
Muito legal ver a força de vontade deles, e como isso foi determinante na história. Uma leitura ducaralho.
Joãozinho, depois de ter passado a noite vigiando a irmã que namorava no sofá da sala, conta para a mãe tudo o que viu:
– Mãe, a Suzana e o namorado apagaram a maior parte das luzes e se sentaram no sofá. Ele chegou perto dela e começou a abraçá-la. A Suzana deve ter começado a ficar doente, porque seu rosto começou a ficar vermelho.
O namorado dela deve ter percebido que ela começava a passar mal, porque ele colocou a mão dentro da blusa dela, acho que para sentir seu coração. Só que ele demorou tanto para encontrá-lo! Aí, foi ele que começou a ficar doente, porque os dois começaram a ficar ofegantes, com pouca respiração. Acho que a mão dele estava fria, porque ele colocou por dentro da saia da Suzana, que deitou no sofá dizendo que estava muito quente.
Depois de um tempo, consegui ver o que estava deixando os dois doentes: Uma enguia enorme tinha saltado das calças dele, era muito grande, devia ter uns 20 cm de comprimento. Foi então que a Suzana agarrou a enguia com as duas mãos, acho que para evitar que ela fugisse, e disse que era a maior que ela já tinha visto. De repente, a Suzana deve ter ficado maluca, porque tentou comer a enguia, colocou ela inteirinha na boca.
Mas acho que deve ser difícil a digestão, porque depois de uns 10 minutos, a enguia saiu da boca da Suzana ainda inteirinha! O namorado da Suzana então, enfiou a enguia dentro de um saco plástico, para não deixá-la fugir. A Suzana tentou ajudá-lo e deitou prendendo a enguia entre as pernas enquanto o namorado deitava em cima dela. Eles ficaram tentando esmagar a enguia entre eles. Eu confesso que fiquei assustado porque a Suzana gritava tanto e se contorcia toda...
Depois de muito tempo os dois soltaram um suspiro de alívio. Acho que eles conseguiram matar a enguia, porque eu a vi pendurada abaixo da barriga do namorado da Suzana. A Suzana e o namorado sentaram na cama e começaram a se beijar,
e quero que um raio caia na minha cabeça, se a enguia morta não ressuscitou e eles começaram a batalha novamente.
Desta vez, a Suzana tentou esmagar a enguia sentando em cima dela. Depois de 40 minutos ela morreu, porque o namorado
da Suzana esfolou a enguia e jogou a pele pela janela. Mãe, eu estava pensando, acho que as enguias são como gatos, têm sete vidas ou mais...
Convocação para o show do Roger Waters!! Vamo aí, galera, vale a pena pagar caro! Só preciso saber o dia, nem tô sabendo...
Saiu a Geek! E acho que tá legal! Yes, tô feliz por causa disso. Foi um parto, mas tá lá, em breve chega às bancas.