sexta-feira, setembro 30, 2005

Ontem foi o VMB. E já ouvi gente dizer que foi um saco por causa das presenças "ilustres" de Wanessa Camargo, Felipe Dylon e afins. Ok, eles são um porre. Mas abstraindo-os um pouco (porque são inevitáveis, nesse tipo de festa) teho que registrar: que festa bem feita! Acho que foi a cerimônia de premiação mais bem realizada a que eu já assisti. Muito divertida, ágil e criativa. E houve boa música, sim, também!

O detalhe fica por conta de uma frase da péssima banda Leela: "Ralamos pra caralho pra chegar até aqui". Engraçado, notei como toda banda que vence na vida tocando rock baba gosta de falar isso. É quase um pedido de desculpas "olha, nos vendemos porque precisávamos muito viver de música, estávamos desesperados" :-). Eu, se tivesse perto, ficaria com vontade de responder "caramba, ralaram pra caralho e continuam tocando mal pra caralho desse jeito????!!". Enquanto isso, Ludov de mãos abanando. Tsc, tsc...

quarta-feira, setembro 28, 2005

Como sempre acontece, já há um monte de bandas "discípulas" do Rappa tocando no rádio. Bom, pelo menos é melhor do que as covers do CPM22. E há uma recém-surgida chamada Medulla que parece ter um excelente letrista, coisa rara no rock brasileiro hoje em dia.

Procurei pela letra da música "Munição na mamadeira" na Internet e não achei, de tão nova que é a coisa. Então baixei o MP3 e tirei a letra de ouvido (pode ter erros e tá faltando a parte falada do meio). Transcrevo-a abaixo (já com correções feitas por Yuske):

Vai, bota a fralda, a farda
Que a cegonha vem te despachar
Vai, não chora
Que a mãe que reza, preza e tem pressa de apressar a volta

Mas é tarde, engatilhe a chupeta
Bebê de proveta forma um batalhão
Vira a cara e dispara nos campos de batalha
Bonecos de Comando em Ação

Pela razão alheia pisa em castelos de areia
Interrompe a construção
Urubus agora cercam os filhotes do mundo cão

--------------------
Refrão
Rifle de madeira
Parece brincadeira
Munição na mamadeira, mas...

Quem tem medo do Lobo mau?
Quem tem medo do Lobo mau?

A fralda camuflada
Garotos como o pai
Pivetes do comando
Aprendizes da AlQaeda

Quem tem medo do Lobo mau?
Quem tem medo do Lobo mau?
------------------

Comboios e escombros
Desorientados nos morros
No Oriente, no Ocidente
Acidente
Os heróis que trocam de “pente”, antes de trocar os dentes

O fogo amigo que cava um jazigo de menos de um metro e meio
Calibre no berço, o pobre comando preto
O menino que não tem medo de careta
Cara amarrada se esconde atrás da camisa amarrada na cara
E agora é brincadeira de criança
Matar por vingança

Refrão

segunda-feira, setembro 26, 2005

E ontem foi dia de rever minha graaande amiga Andressa, que tava muito sumida pro meu gosto... E legal conferir que tá tudo bem com ela. Tomara que role mais baladas, num futuro próximo.
Incríveis fotos do mega-evento Alex Convida, não paga, chega atrasado e vai embora antes que todo mundo!!

Brincadeira, Alex, foi muito legal...

Um dos belos casais presentes no Skie


Tá tudo dominado (vejam a ilustre presença da querida Djá)


Admirando a vista da cobertura do Hotel Unique


Xis


Chifres no Alex (já no Milo, reparem que o Grandjean está fazendo Blrlrlrlr)

quinta-feira, setembro 22, 2005

Hahahahaha!
Sonhei que o Rush tinha feito uma cover de "Dancing Queen", do ABBA, e tinha ficado muito legal!
Putz, perigoso esse sonho...
Como é bom ver um filminho besta de vez em quando... E "Vôo Noturno" até que é bem legal. Me chamou a atenção por ser o mesmo nome do livro de estréia do Seu Peri, mas claro que não tem nada a ver com isso.

E claro que, como todo filme americano que se preza, tem que terminar com muita coisa impossível e imbecil acontecendo. Mesmo assim me diverti pra caramba. E com ainda mais certeza de que não ler sinopse é o melhor negócio que eu faço na vida.

segunda-feira, setembro 19, 2005

E tem mais uma música publicada , "Passarinho" (nada a ver com "Passarinho quer dançar, o rabicho balançar, quando acaba de nascer, tchu, tchu, tchu, tchu...).

sexta-feira, setembro 16, 2005

Êba!!!
Tô feliz porque depois de horas e horas, madrugadas intermináveis de trampo, consegui fazer as coisas funcionarem quase que perfeitas no meu "estudiozinho".

Valeu a pena a correria lá pra Santa Efigênia atrás de cabos e tal... Agora já dá pra gravar voz com monitoração + eco e o caramba, dá pra brincar legal. E pude também eliminar de vez o uso da minha plaquinha de som onboard (já não era sem tempo), que tanto bug tava gerando. Agora ela fica lá só de enfeite.

Enfim, vou conseguir dormir em paz...

terça-feira, setembro 13, 2005

Nossa, de sexta a domingo só ouvi notícias bizarras, sendo a mais estranha delas a prisão do Maluf. Acho que ninguém pensou que ia conseguir viver pra ver isso.

E aqui em casa começou imediatamente o bolão pra ver quantos dias ele fica preso. Eu apostei 5...

segunda-feira, setembro 12, 2005

Aliás, botei uma música "nova" lá no Music Downloads, chama-se "Terra na Boca". Grandjean vai ficar bravo porque a letra tá errada, mas paciência :-). Quem quiser baixar fica à vontade.
Musicalmente falando, ando apaixonado por Jack Johnson e Joss Stone. Ainda bem que, no meio de tanta merda, tem coisas como essas rolando por aí. Não tem jeito, a boa música não morre nunca...

domingo, setembro 11, 2005

Hahahaha
Acabo de completar meus singelos 1.000 downloads no Music Downloads e ganhei uma pequena resenha do editor! Nada mal pra quem tá no meio de milhares de caras na seção Pop Rock...

Enquanto isso, a Nancy continua bombando sozinha em Samba, com nada mais nada menos que 138 mil downloads (!!!).

Aí vai a minha resenhasinha:

"Ballads made of sweet Brazilian guitar and some poppier fare from a young songwriter from San Paulo. Strings, tight bass and drum patterns buoy the smooth female vocals of Mauricio's female collaborator, Nancy Galvoa (sic), on the full arrangements. Classic acoustic and light percussion sit well with the simpler fare."

sexta-feira, setembro 09, 2005

O Paulo Henrique Amorim tá lançando um livro que fala sobre como a tal "urna eletrônica" brasileira que todos endeusam está completamente aberta a fraudes. Isso é tecnicamente comprovado e eu quis fazer uma matéria sobre o assunto em 2003, mas o Barbão não deixou publicar!!! Humpf! Já tinha feito várias entrevistas e tudo...

E, por falar em política, que irritante ver os tucanos agora falando que "o Severino na presidência da Câmara é uma vergonha!". Mas eles atuaram com tanto afinco pra ele ser eleito!! O digníssimo Fernando Henrique fez uma puta campanha subterrânea pela eleição do Zeca Diabo e tudo mais! E depois eles falam que não fazem oposição do "quanto pior melhor"... A política no Brasil é realmente um troço absolutamente nojento.

quinta-feira, setembro 08, 2005

Minha querida Vó fez aniversário no último sábado. Caramba, 91 anos com essa lucidez toda e com tanta gente em volta não é pra qualquer um! A família também fez sua parte e deu uma prova de que consegue ser bem unida, se ajudando muito pra montar a festa, e o destaque ficou por conta do maravilhoso vídeo produzido pela minha mãe e meu primo Marcello. No final, pra mim, ficou a seguinte sensação: é verdade que ficamos muito tempo sem nos vermos, mas, porra, como é legal quando a gente se encontra!!

Emoção na chegada, ao som de "Smile", que toca tradicionalmente neste momento, todos os anos


Encontro de gerações: minha vó, o recém-nascido Pedro e minha mãe


Encarando 91 anos...


A família reunida, cantando a plenos pulmões a música tradicional dos nossos aniversários


Soprando a vela pela 91ª vez

segunda-feira, setembro 05, 2005

Como diria Adoniran, que "réivia"!! Aposto que se fossem brancos ricos o Bush teria mandado milhões de soldados logo no primeiro dia, construído abrigos de emergência para todos, etc. Como são negros pobres, é esse absurdo que se vê na nação mais rica e poderosa do planeta. Lamentável...

sexta-feira, setembro 02, 2005

Pelé x Maradona

Faz tempo que eu ia falar sobre isso, né? Só que meu nariz ficou podre, então acabou ficando para depois.
Seguinte: é engraçado como as pessoas gostam de dar opinião sobre um assunto tão polêmico e difícil sem nem se darem ao trabalho de verem os caras jogarem. Então, pra não fazer o mesmo, eu fui lá, baixei um monte de vídeos no eMule e mesmo assim confesso que foi muito difícil decidir!! Tanto um como o outro faziam coisas maravilhosas com a bola. Mas vamos ser frios e começar analisando alguns argumentos clássicos a favor de um e de outro:

1 - Maradona é melhor porque ganhou uma Copa sozinho e sempre transformou times limitados em campeões
Concordo que a atuação do Maradona em 1986 seja a melhor de todos os tempos nesta competição, mas o Pelé não pode ser considerado pior simplesmente porque não teve a "sorte" de jogar em times ruins como o Maradona. Pelé não tem culpa de ter jogado na Seleção Brasileira e no incrível Santos da década de 60. Mesmo aceito, esse argumento não provaria que Maradona é melhor, e sim apenas que é impossível comparar os dois.

2 - Maradona é melhor porque jogou em uma época em que a marcação é muito mais forte
Concordo que a marcação na década de 80 tenha sido bem mais forte que na de 60, mas, mais uma vez, isso não prova que Maradona é melhor (outra vez, no máximo pode ser um argumento a favor da tese de que eles não podem ser comparados). E outra: se em muitas jogadas lindas que vi Pelé tinha marcação fraca, em tantas outras ele estava super bem marcado, e mesmo assim se desvencilhava de uma forma genial.

3 - Maradona é melhor porque jogou quase o tempo todo na Europa
Não dá pra concordar com isso por dois motivos: primeiro, Pelé jogou muitas vezes contra os europeus e quase sempre dava show (exemplos clássicos são as finais do Mundial de Clubes contra o Benfica, jogos contra Suécia, França e País de Gales na Copa de 1958, jogos contra Inglaterra e Itália na Copa de 1970); segundo, tenho que ser repetitivo, mas é de novo um argumento que serve apenas contra a comparação, e não a favor de Maradona. Enfim, Pelé não pode ser alijado de uma disputa dessas apenas porque decidiu ficar quase a carreira inteira no Brasil, como se isso significasse que ele atuou apenas contra o Juventus da Mooca. Isso simplesmente não é verdade.

4 - Maradona é melhor porque não puxa o saco dos poderosos da FIFA
Isso é piada de argentino. Estamos falando de futebol, não de política ou de caráter das pessoas.

5 - Pelé é melhor porque fez 1284 gols contra 353 do Maradona, e ganhou 3 Copas, contra 1 do Argentino
Não concordo com as comparações que usam apenas números, primeiro porque Maradona jogou sempre contra defesas muito mais duras do que Pelé (principalmente as do Campeonato Italiano), segundo porque sua posição não era a de finalizador, como Pelé, terceiro porque eram épocas diferentes (com média de gols por jogo muito díspares) e quarto porque, se ganhou menos Copas, é porque jogava numa seleção muito mais fraca. Enfim, não é possível usar simplesmente esses números como comparação.

6 - Pelé é melhor porque era um atleta exemplar, não se acabou nas drogas
Agora é a piada de brasileiro... De novo, estamos falando de futebol: desde que Maradona não estivesse dopado em 1986, não tem problema o que ele tomou depois :-)

Então não tem como compará-los? Sim, eu acho que tem um jeito.

Analisando as habilidades
Observando bem os vídeos com todas as suas principais jogadas eu pude ver que Pelé, de fato, era melhor que Maradona como jogador de futebol, por um motivo muito simples: era perfeito. Fazia de tudo e muito bem.

Tanto um como outro eram dribladores infernais, com a mesma capacidade de driblar em velocidade, especialmente. Porém, em todos os outros fundamentos, Pelé era melhor. Era capaz de desferir chutes de todos os tipos com as duas pernas, enquanto que Maradona tinha uma notória inabilidade com a perna direita. A capacidade de finalização do Pelé era maior, e, vendo ele jogar, percebemos que não foi à toa que ele fez quase 4 vezes mais gols. Ele tinha muito mais capacidade de resolver uma jogada, quase sempre sozinho. Ele armava e finalizava, coisa que Maradona nem sempre era capaz de fazer.
Com a cabeça, não dá nem pra começar a comparar. Pelé tinha excelente impulsão e cabeceava com muita consciência, enquanto que Maradona parecia desconhecer o uso da cabeça no futebol.
As jogadas mais classudas do Pelé sempre incluíam matadas no peito e chapéus espetaculares, e eu confesso não ter visto o Maradona fazer esse tipo de lance. Vendo os vídeos, temos a nítida impressão de que Pelé raciocinava com mais lucidez e velocidade quando em espaços pequenos.
Enfim, Maradona era mais um cara que driblava muito bem em velocidade, dava belos passes e chutava lindamente com a perna esquerda, enquanto que Pelé fazia isso e mais todo o resto. Sua coleção de jogadas é muito mais incrível, como pude testemunhar.

Portanto, aqui encontro meu veredicto. Por ser jogador muito mais completo, capaz de fazer tudo o que o argentino fazia e mais trocentas outras coisas, afirmo com convicção que Pelé foi melhor. Ainda é o melhor jogador de todos os tempos. Chupa, Argentina!!!! :-)
Folha Online: Número de mortos por armas de fogo cai pela 1ª vez em 13 anos

Que coincidência, não?

quinta-feira, setembro 01, 2005

Dicas de informática - Parte 2

Quer um antivírus free e bom? Então exiga Avast! Tem integração com uma caralhada de programas, incluindo eMule, Trillian, MSN, etc. (daqui a pouco até o Google Talk entra na jogada :-).

E aproveita e instala esses outros dois: Ad-Aware e SpyBot. Com um scan por semana usando esses programas e outro antes de acessar internet banking, podem ficar sossegados que os problemas com vírus e spyware terminaram.
Dicas de informática - Parte 1

Se você tem um HD da Seagate que deu defeito antes de completar 5 anos, pode trocar aqui em São Paulo mesmo, num lugar lá em Alphaville. E não importa se comprou de coreano ou chinês!! Eu dei uma puta sorte porque o meu pifou 20 dias antes de terminar a garantia...
Esse blog vai ser legal... :-)